quinta-feira, 18 de outubro de 2007

A Caravana não para...




Música raiz no ar, alegria e muitas outras atividades para se divertir. Essas e muitas outras atrações fazem parte da II Violeira de Votorantim, que será realizada entre os dias 19 a 21 de outubro. O evento tem como proposta incentivar e divulgar a música raiz brasileira, bem como, mostrar a importância desta cultura como fonte de lazer.
O diretor do projeto, Ricardo Anastácio, afirmou que a realização desta segunda edição se deve ao grande sucesso do evento do ano passado. “O evento vem coroar a louvável iniciativa do poder público, de abrir um canal de dialogo entre o artista caipira e o espectador. Com toda certeza durante esses três dias Votorantin será a capital da nobre música raiz e suas imortais manifestações”, definiu Anastácio
Entre as atividades o público poderá prestigiar apresentação do violeiro Levi Ramiro, da região de Bauru, o espetáculo teatral “A Barca” que mostrar vai encenar os mais puros elementos da cultura popular brasileira. Além destas atrações haverá também apresentações de músicos da cidade e da região, oficinas, exposições, e a tradicional “Queima de Alho”, comida típica paulista criada pelos tropeiros da região de Barretos.

Sexta-feira 19-10 – Levi Ramiro
Natural de Uru, pequena cidade do interior Paulista, hoje residente em Pirajuí, o violeiro e artesão Levi Ramiro têm sua trajetória marcada inicialmente pelo violão que o acompanhou nas primeiras composições e nos primeiros festivais. A partir de 1995, adotou a viola como principal instrumento, absorvendo seu universo cultural que na verdade, veio ao encontro de suas raízes, motivo pelo mpliou sua produção musical, tanto na arte de tocar como na de fabricar o instrumento.
Como a maioria dos músicos e compositores brasileiros, Levi Ramiro também aposta na mistura, influenciado a princípio pela viola caipira, a viola cabocla, aquela de alma campesina; ele traz também elementos da música urbana, e vai sem pressa montando seu mosaico de pedras coloridas que recolhe pela vida, mostrando de maneira singela como vê e sente o mundo nos dias de hoje.
Vem apresentando-se desde 1997, com a gravação do primeiro trabalho, em vários espaços culturais e unidades do SESC pelo Brasil, em programas de TV e Rádio que valorizam a boa música, divulgando também seu trabalho como artesão.
II VIOLEIRA DE VOTORANTIM
(2007)

Justificativa:

Devido ao grande sucesso obtido em virtude da “I VIOLEIRA DE VOTORANTIM”, que elevou ainda mais o nome desta cidade ao patamar de empreendedora e comprometida com as causas populares, reiteramos o pedido junto a Secretaria de Cultura de Votorantin, através de seu secretário Weriton Kermes, da continuidade deste grandioso evento. Mais uma vez , a cidade demonstra sua preocupação em preservar a memória cultural. Contando com renomados violeiros e grupos populares,a intenção de se realizar a “II VIOLEIRA DE VOTORANTIM”, é de proporcionar a população deste município e região, três dias da mais pura e autêntica arte do interior. Esta grande festa vem coroar a louvável iniciativa deste poder público de abrir um canal de dialogo entre o artista caipira e o espectador. Com toda certeza,por esses três dias, Votorantin será a capital da nobre música raiz e suas imortais manifestações . O evento tem Álvaro Ramos como curador, e Ricardo Anastacio do núcleo de viola caipira de Votorantin como diretor de programação.

Contando com nomes consagrados do meio artístico e do universo caipira brasileiro, já na sexta teremos no palco principal a presença especialíssima de Levi Ramiro um violeiro da região de Bauru.Na seqüência o espetáculo teatral “ A Barca” mostrará em seu trabalho os mais puros elementos da cultura popular brasileira. Ainda neste dia, teremos a tradicional “Queima do Alho”,comida típica Paulista que tropeiros criaram na região de Barretos. Concomitante a isso, no Palco Externo teremos a presença do Violeiro de Assis radicado em Sorocaba,Ricardo Anastácio que receberá a visita da voz aveludada de Márcia Mah. Na seqüência“Boca Bom de Histórias” é o espetáculo que José Bocca levará ao palco perpetuando a oralidade como veículo de informação. No saguão do Auditório Municipal “Francisco Beranger” uma exposição de violas mostrará todo encantamento deste instrumento, e também será exibido um documentário feito por Ricardo Anastácio chamado “Neengatu e o Sotaque Caipira

Sábado dia 19/10

Sábado as atividades começarão logo pela manhã,10:00horas, com a oficina ‘Estudo e Prática do Instrumento” ministradas pelos violeiros Ricardo Anastácio,Rogério Gulin e Levi Ramiro, oficinas abertas ao público com as inscrições feitas previamente na Secretaria de Cultura de Votorantin (fone: 33538669)
Na tarde deste Sábado as apresentações começaram às 16:00h com o “Fandango Caiçara de Cananéia”, Na seqüência ,16:30h,Ricardo Vinini do “Matuto Moderno” subirá ao Palco Principal executando sua versatilidade com o instrumento. Às 17:00 h é a vez do violeiro de Brasília Marcos Mesquita mostrar seu trabalho. De Curitiba, Rogério Gulin vem com toda sua experiência frente a Universidade do Paraná onde têm um núcleo de estudos da Viola Caipira.Para encerrar esta tarde,no Palco Principal, teremos a dupla de música raiz João Carlos e Maurício de Minas Gerais.

Novamente a “Queima do Alho” e o Palco Externo serão a atração a partir das 18:30h. Com sua viola pantaneira e seus rasqueados inconfundíveis o violeiro Milton Araújo . Milton além da competência é o responsável por revelar ao mundo, através da revista Guitar Player, sua tia a inesquecível violeira Helena Meireles falecida recentemente. Volta a se apresentar depois de Milton, o artista Levi Ramiro.
Novamente no Palco Principal,20:00h, os “Favoritos da Catira” ,20:20h, um dos ícones da autêntica música Caipira,Índio Cachoeira que fazia dupla “Cacique e Pajé”. Outro representante de Brasília subirá ao palco às 20:40h, Vinícius Alves. Sem dúvida um dos maiores responsáveis para não deixar a arte da viola morrer estará se apresentando é o violeiro de Campinas Ivan Vilela. Finalizando o dia os consagrados e mais esperados violeiros ,também vindo de Brasília, a dupla Zé Mulato e Cassiano que irão tecer poesias em suas músicas.

DOMINGO 21/10

Manhã de Domingo às 10:00h oficina “Estude e Prática do Instrumento’
Com Ivan Vilela e Marcus Mesquita

Pela tarde às 14:00h Cururu com Cido Garoto, Dito Carrara ,Andinho Abílio e Ricardo Anastácio, na seqüência ‘Fandango de Capela do Alto”
16:30 h Orquestra de Viola Caipira de Votorantin têm o orgulho de receber o mestre Tinoco de São Manuel, que com seu irmão encantou o Brasil recebendo o título de dupla Coração do Brasil. Ás 17:30h é a vez da dupla Odilon e Rio Pardo
No Palco Principal, 19:30 a companhia do Divino Espírito Santo de Votorantin se apresentará logo em seguida o carismático violeiro do norte de Minas Gerais,Pereira da Viola promete que ninguém ficará parado em suas evoluções e cirandas fazendo um apoteótico final com todos os violeiros presentes.